segunda-feira, 24 de agosto de 2015

# 152 : Tróia, the ultimate guide (2015)



TRÓIA

Num raio de 100km em torno de Lisboa, Tróia é o meu destino de eleição para um fim-de-semana calmo, quer no verão quer em estações mais amenas, como na Primavera e no Outono. Sem a grande agitação do Algarve (principalmente de noite) nem as ondas fortíssimas da costa alentejana (que me impedem de entrar dentro de água), Tróia é o destino ideal para quem procura fugir ao caos do quotidiano.





Principais pontos


Um dos principais pontos de visita obrigatória é a Marina, onde encontramos a maioria dos restaurantes e cafés e, ainda, algumas lojas. É também na Marina que se encontra o Tróia Design Hotel, que abriga o Casino.


Marina de Tróia ao por-do-sol
Fonte:www.blueandgreen.com

Na Marina nasce a principal passadeira de madeira, que serve de acesso às praias de Tróia. De água cristalina e areia finíssima, as praias de Tróia são adoradas por todos aqueles que as visitam. A primeira praia é banhada pela água do estuário, onde podemos ser presenteados pela passagem dos roazes e dos vários veleiros que percorrem o rio.
Se continuarmos pela passadeira, chegamos a uma praia mais distante, banhada pelo Oceano Atlântico. O areal continua, até se perder de vista.




Outra das grandes atracções de Tróia são as Ruínas Romanas, um complexo de produção de salgas de peixe da primeira metade do século I. Os núcleos arqueológicos abertos à visita incluem duas grandes oficinas de salga, termas, mausoléu, necrópole do mausoléu e núcleo residencial da Rua da Princesa.


Fonte: http://www.troiaresort.pt/pt/troia-ruinas/



Para comer

A cada ano que passa, cresce o número de espaços de restauração. Para além do Ribamar, que se instalou na Marina logo desde o início, e dos restaurantes dos hotéis, Tróia recebeu, este ano, a visita do El Cristo




Há, ainda, a Ice Gourmet, que oferece gelados de autor. Este ano inaugurou, ainda, o Porto Beer, dedicado à carne, e o Cappuccino Café.
Nas traseiras da Marina abriu os Sabores Altaneiros, que começou por se dedicar apenas à venda dos melhores produtos nacionais, mas que se reinventou e oferece uma lista deliciosa de petiscos e pratos leves. Este verão, fui lá imensas vezes, e tenho a dizer que a minha satisfação foi crescendo exponencialmente a cada visita.


Salada de queijo de cabra e mel no Sabores Altaneiros


Nos arredores


Os arredores de Tróia são tão ou mais cativantes que a própria península. A poucos quilómetros encontramos a vila da Comporta, cheia de charme e uma fonte de inspiração para Christian Louboutin. Aqui, encontramos alguns dos meus restaurantes favoritos da região (como o Folha), a melhor pastelaria das redondezas (Eucalyptus Pastelaria) e, ainda, uma das minhas praias favoritas. 
A partir da comporta podemos virar para a Carrasqueira, onde encontramos o porto palafítico. A meio caminho, passamos pelo Possanco, onde encontramos um viveiro que oferece o melhor e mais fresco peixe e marisco, acabadinho de chegar do mar. Junto à estrada há, ainda, uma casa com os melhores melões do verão e a batata-doce mais suculenta que alguma vez provei.


Peixe acabado de descarregar

Sapateiras vivas, que aguardam a sua venda no tanque.

Porto palafítico da Carrasqueira