segunda-feira, 10 de agosto de 2015

# 127 : Il Matriciano


Assim que li este artigo no Observador, fiquei cheia de água na boca, desejosa de visitar o il Matriciano. Felizmente, não tive de esperar muito!!
O restaurante está situado numa cave giríssima, com um mini terraço amoroso, mesmo em frente à Assembleia da República. Como estava demasiado calor, e ainda estamos em época de trabalho, preferimos ficar lá dentro, na sala ao fundo. A decoração é super agradável, com uma forte aposta na madeira e em peças-chave super giras, muito ao estilo do bar do Decadente.
Para começar, pedimos uma bruschetta con parma e bufula, que estava deliciosa. Sem condimentos ou retoques adicionais, a bruschetta é a prova viva de que os melhores pratos italianos são simples e despretenciosos, apostando na qualidade e sabor dos bons ingredientes. Como prato principal, segui a sugestão do dia, de pasta fresca com tomate e burrata. Estava absolutamente divinal!! Por fim, rematei o almoço com um café.
Como ao almoço não gosto de comer muito, fiquei cheia de vontade de lá voltar ao jantar, com tempo para abrir uma boa garrafa de vinho e provar as restantes iguarias da casa. Não sei se o il Matriciano é, ou não, o restaurante mais italiano de Lisboa, mas tenho a certeza que é um dos mais agradáveis e bem conseguidos que já conheci, ou o dono não fosse um verdadeiro italiano...