sexta-feira, 29 de maio de 2015

# 100 : Sugestões para o fim-de-semana...


Há tanta coisa, mas tanta coisa, para fazer este fim-de-semana.. e eu cheia de trabalho!!
Como primeiro destaque, não poderia deixar de alerta para mais uma campanha do Banco Alimentar, que decorrerá em todo o país. Não deixe de alimentar esta causa... realizam um trabalho estupendo. Há anos que sou voluntária, quer na oferta de alimentos, como na arrumação dos armazéns. Enche-me a alma!!




A marcar o início das Festas de Lisboa, no sábado, a Torre de Belém será o palco de Quinhentos, um espectáculo que revisita que cinco séculos da história de Por­tu­gal e do Mundo.




A Rota das Tapas continua em grande ritmo, deliciando todos aqueles que se atrevam a percorrê-la. Depois de uma primeira volta, vou aproveitar o fim-de-semana para conhecer mais alguns cantinhos.. 




No Parque Eduardo VII, encontramos mais uma Feira do Livro, cheia de alfarrabistas prontos a arruinar a minha carteira e contribuir para o crescimento exponencial da minha biblioteca. As propostas são imensas, e podem ser vistas no site do evento.
Por muito que adore ler, e ande sempre de livro na mão, o ritmo de entrada de livros na minha colecção continua a ser muito superior ao de leitura. Todos os anos prometo parar de comprar livros, até que tenha lido a maioria dos que constam em lista de espera. Mas, o gosto (ou vício) é tão grande, que nunca consigo resisto a uma boa pechincha e à descoberta de novos autores.




Na doca de Pedroços, encontramos a Volvo Ocean Race, que faz as delicias dos amantes de barcos e desportos náuticos. Esta noite, poderá contar com um concerto da Carminho.




Nos museus, destaco duas exposições: Caleidoscópio no MUDE, com uma colecção de Christian Lacroix; e Génesis, de Sebastião Salgado, na Carvoaria Nacional.





Por último, podemos contar, uma vez mais, com o Meo OutJazz para animar os nossos fins de tarde. No sábado, pode contar com um concerto de Salvador Sobral na Praça do Martim Moniz. Já no Domingo, a música a despede-se do jardim da Torre de Belém, pelas mãos de Filipe Gonçalves e DJ Nokin.